Que negócio abrir em uma cidade pequena? Confira algumas dicas

Que negócio abrir em uma cidade pequena

Pensando em empreender, mas não sabe que negócio abrir em uma cidade pequena?

Esse, de fato, é um mercado que merece atenção. 

Conforme dados do IBGE 2021, há mais de 5,2 mil cidades com menos de 100 mil habitantes no Brasil – e muitas delas são exemplos de desenvolvimento socioeconômico.

Uma reportagem da revista Exame mostra as 50 cidades pequenas mais evoluídas do país em diferentes áreas.

Se o seu interesse é abrir um negócio em cidade pequena e aproveitar boas oportunidades, siga a leitura até o final e confira algumas dicas.

Que negócio abrir em uma cidade pequena?

Se você quer saber que negócio abrir em uma cidade pequena, neste tópico vamos apresentar uma lista de atividades que servirão de referência para sua pesquisa.

Vamos lá.

1. Bares, restaurantes, choperias

Abrir um negócio em uma cidade pequena no segmento de alimentos e bebidas pode ser uma ótima ideia.

Por ser um setor tradicional, provavelmente já existem concorrentes, mas isso não significa que não haja espaço para você.

2. Serviços de beleza

Por menor que seja a cidade, os serviços de beleza certamente oferecem oportunidades para quem pretende empreender no interior.

Manicure, pedicure, maquiagem, cortes e penteados são alguns exemplos de serviços muito demandados, sobretudo pelo público feminino.

Caso seu público-alvo seja masculino, pode abrir uma barbearia que ofereça cortes variados, tinturas, tratamento capilar, etc.

3. Reparos, jardinagem, “marido de aluguel”

Dentro do setor de prestação de serviços, uma empresa que resolva os problemas da dona de casa também pode ser uma boa ideia de negócio para abrir em uma cidade pequena. 

Limpeza de calhas, reparos hidráulicos e elétricos, serviços de jardinagem, dedetização e limpeza de sofás são alguns exemplos. 

Desde que você tenha profissionais que saibam executar o trabalho, com um arsenal razoável de ferramentas e uma boa divulgação já é possível começar. 

4. Mercearias, supermercado de bairro

Mesmo que uma cidade interiorana tenha um supermercado referência ou um atacarejo, as mercearias e mercadinhos de bairro terão seu espaço.

São negócios focados em atender às demandas diárias dos clientes, portanto, a localização geográfica é muito importante.

5. Opções de lazer

Outra ideia de negócio para abrir em uma cidade pequena é uma casa de shows ou um bar com música ao vivo

Você pode preparar uma programação especial para os fins de semana ou algo mais corriqueiro para um happy hour. 

Além de oferecer cardápios diferenciados, atente-se à decoração do ambiente visando capturar o cliente e fidelizá-lo.

6. Loja de artesanato

O artesanato é um segmento bem específico, mas que pode ser um excelente negócio para abrir em uma cidade pequena se você fizer um plano bem feito.

O seu público-alvo pode ser o turista que quer levar uma lembrança da cidade ou um colecionador que valoriza a arte local.

Caso tenha interesse em atuar nesse segmento, a dica é escolher uma cidade com vocação turística e um ponto comercial próximo aos locais de visitação.

7. Produtos caseiros e orgânicos

Outra opção é uma loja de produtos caseiros e orgânicos, preferencialmente aqueles que tenham selos de atestado de origem.

Você pode, inclusive, fazer parcerias com produtores locais e oferecer produtos sempre frescos e de qualidade.

Trata-se de um nicho com alta capacidade de fidelização dos clientes que entendem o valor dos produtos livres de conservantes e agrotóxicos.

8. Food truck

Uma saborosa comida de rua, como um cachorro-quente feito na hora ou um hambúrguer de bacon frito na chapa, também pode atrair muitos clientes em cidades pequenas. 

Não por acaso os foods trucks têm crescido a taxas significativas nos últimos anos e com previsões otimistas para os próximos.

E ainda tem a vantagem da mobilidade.

9. Farmácia

Nas regiões metropolitanas, o que se vê é uma consolidação das grandes redes farmacêuticas ocupando o espaço das empresas locais.

Nas cidades do interior, no entanto, a realidade do mercado é diferente e pode ter espaço para uma farmácia de bairro.

Assim como no exemplo da mercearia, trata-se de um tipo de negócio que supre as necessidades básicas das pessoas e a localização geográfica é fundamental.

10. Delivery

Os serviços de delivery, que ganharam notoriedade com a pandemia, também podem ser uma opção de negócio para abrir em uma cidade pequena. 

Você pode explorar as oportunidades de diferentes maneiras: integrada ao seu restaurante ou supermercado ou como uma empresa de transporte de mercadorias

Conforme dados da Statista, o Brasil foi responsável por 48,77% do uso do delivery na América Latina em 2020, um tipo de serviço que cresce graças à universalização do e-commerce.

Vale ressaltar que moradores de cidades do interior também compram pela internet e você pode ganhar dinheiro fazendo a logística de distribuição final.

Vantagens de abrir um negócio em cidade pequena

Além da tranquilidade e do clima aconchegante, abrir um negócio em cidade pequena tem diversas outras vantagens, como:

  • Baixa concorrência: dependendo do nicho de mercado que você escolher, as oportunidades podem ser como um “oceano azul”
  • Relacionamento próximo com o cliente: em cidades pequenas, você tem condições de criar laços com seu público que vão além de uma simples relação comercial
  • Custos fixos menores: aluguel, taxas públicas e outros gastos também podem ser menores em cidades pequenas do que em regiões metropolitanas, o que impacta na lucratividade do negócio
  • Tranquilidade e qualidade de vida: para o empresário, viver e empreender no interior pode significar mais qualidade de vida, tanto no aspecto profissional quanto pessoal.

Quais as dificuldades de empreender em cidade pequena?

Se você já escolheu que negócio abrir em uma cidade pequena, precisa considerar também as desvantagens de estar no interior, como:

  • Limitações do mercado: em cidades pequenas, o fluxo de pessoas e de capital é menor, o que pode limitar o crescimento da sua empresa
  • Infraestrutura limitada: cidades do interior podem carecer de serviços básicos, como hospitais, urbanização, acesso a serviços bancários, etc.
  • Mão de obra insuficiente: a falta de profissionais qualificados também pode ser uma das dificuldades enfrentadas por alguém que pretende abrir um negócio em cidade de poucos habitantes.

Como montar um negócio lucrativo em cidade pequena?

Agora que você tem algumas ideias de que negócio abrir em uma cidade pequena, confira algumas dicas de como aumentar as chances de sucesso.

Entenda a vocação da cidade

O primeiro passo é fazer uma pesquisa ampla sobre a cidade, sua vocação econômica, população, renda per capita e tamanho do PIB para traçar um perfil do mercado endereçável.

Em fontes oficiais, como o IBGE, é possível encontrar dados de qualidade sobre todos os municípios brasileiros.

Descubra uma oportunidade com a qual você se identifica

Em seguida, você deve se aprofundar nas pesquisas para encontrar uma oportunidade que vale a pena explorar.

Você pode pesquisar ao estilo top-down (de cima para baixo) ou bottom-up (de baixo para cima).

Nesse contexto, observe também o tamanho da concorrência diante do potencial do mercado consumidor.

Faça um plano de negócios bem estruturado

Todas as informações sobre mercado e concorrência levantadas na pesquisa precisam ser consolidadas em um plano de negócios, que deve ter também: 

  • Análise de fornecedores
  • Plano de marketing
  • Planejamento orçamentário
  • Expectativa de retorno, etc.

Tenha como parceira uma boa contabilidade online

Com o seu plano pronto, busque a parceria de uma contabilidade online segura e confiável, como a Contabilix, para ajudar você a abrir e a gerir sua empresa com mais eficiência.

Na Contabilix, inclusive, você abre sua empresa gratuitamente e sem sair de casa – saiba como.

Além da abertura grátis de CNPJ, você conta com pacotes de serviços a preços muito mais em conta do que os oferecidos pela contabilidade tradicional.

Automatize sua contabilidade e maximize suas operações financeiras com Contabilix.

Abra sua empresa gratuitamente, sem sair de casa, sem burocracia e em até
15 dias úteis.

ABRIR CNPJ GRÁTIS

Contabilidade completa

A partir de R$ 94/mês
1º mês grátis.

Trocar de contador

Mais posts

Traga sua empresa para a Contabilix e garanta: